Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 4 de Março de 2021

Economia

Governo começa a liberar PIS-Pasep nesta terça

Saiba se você tem direito a até R$ 1.100 e o calendário do PIS-Pasep encerra pagamentos em março.

Midiamax

19 de Janeiro de 2021 - 09:02

Governo começa a liberar PIS-Pasep nesta terça
Foto: Divulgação

Trabalhadores que têm direito ao abono salarial PIS-Pasep 2020-2021 começam a receber o benefício nesta terça-feira (19). Os valores variam de R$ 92 a R$ 1.100 e são depositados hoje para quem nasceu em janeiro e fevereiro.

Para os trabalhadores que não são correntistas da Caixa, o dinheiro é depositado em poupança social digital, que pode ser movimentada pelo aplicativo Caixa Tem.

Para quem já tem conta na Caixa, os créditos são realizados nas contas existentes e os valores podem ser movimentados com a utilização do cartão da conta, internet banking ou APP da Caixa.

Com o aumento do salário mínimo, o valor do benefício também teve alta, passando para até R$ 1.100. O valor a ser recebido varia conforme o número de meses trabalhados com carteira assinada durante o ano-base de 2019. 

Quando vou receber o PIS-Pasep?

Conforme o calendário do governo, os trabalhadores nascidos em julho, agosto, setembro, outubro, novembro e dezembro já receberam os valores nos respectivos meses de aniversário do ano passado.

Já em 2021, estão previstos os pagamentos de quem nasceu em janeiro, fevereiro, março, abril, maio e junho.

Quem tem direito ao abono salarial do PIS-Pasep?

Com valor entre R$ 92 e R$ 1.100, conforme a quantidade de meses trabalhados com carteira assinada no ano-base 2019, o abono salarial 2020/2021 será pago a cerca de 20,5 milhões de trabalhadores, que receberão R$ 15,8 bilhões. Têm direito ao benefício os empregados formais que:

– Receberam até dois salários mínimos, na média, em 2019; 
– Cadastrados no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos; 
– Com pelo menos 30 dias trabalhados em 2019; 
– Informado corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais.

Recebem o abono salarial pela Caixa os trabalhadores vinculados a entidades e empresas privadas. As pessoas que trabalham no setor público estão inscritas no Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) e recebem o benefício pelo Banco do Brasil.