Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sexta, 3 de Dezembro de 2021

Economia

Na surdina, BR eleva preço da gasolina, mas concorrência segura repasse

Neste ano, por várias vezes, foi forte a especulação de que o governo anunciará o reajuste. No entanto, diante do impacto do aumento da gasolina na economia, o preço vem sendo “segurado”.

Campo Grande News

18 de Setembro de 2013 - 09:53

Enquanto o mercado vive a expectativa de que o governo federal anuncie reajuste do preço da gasolina até o próximo sábado, o combustível foi reajustado em R$ 0,02 na segunda-feira. Para o etanol, o aumento foi de R$ 0,01.

De acordo com o supervisor técnico do Sinpetro/MS (Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo e Lubrificantes) , Edson Lazaroto, todos os meses, a cada dia 16, a Cotepe (Comissão Técnica Permanente) se reúne, faz avaliação do preço médio dos combustíveis e lança a pauta, que pode ser reajustada ou não. Neste mês, o aumento veio. Num efeito dominó, o reajuste é repassado pela Petrobras.

Contudo, a concorrência entre os postos pode fazer com que o reajuste não chegue aos consumidores. Segundo Lazaroto, como ainda há gasolina em estoque, somente na semana que vem deve ser verificado se o preço do litro da gasolina foi mantido ou reajustado.

Neste ano, por várias vezes, foi forte a especulação de que o governo anunciará o reajuste. No entanto, diante do impacto do aumento da gasolina na economia, o preço vem sendo “segurado”.

Porém, conforme Lazaroto, a defasagem em relação ao preço internacional caminha para uma situação limite. “Ou compensa essa diferença ou repassa algum percentual”, afirma o supervisor. Em nota divulgada à imprensa, a Petrobras nega reajuste até dia 21.

Outro fator de pressão é que 2014 têm eleições, portanto, a tendência é que o reajuste, impopular por natureza, venha ainda neste ano. Segundo o levantamento da ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis), preço médio do litro da gasolina em Campo Grande é de R$ 2,871. Sendo o menor valor de R$ 2,779 e o maior, de R$ 2,988.