Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Domingo, 24 de Outubro de 2021

Economia

Prévia da inflação sobe 0,27% em setembro e fica abaixo de 6% em 1 ano

Além disso, as passagens aéreas registraram alta de 16,08% no mês, compensando os recuos de 1,31% no etanol e de 0,26% na gasolina.

Uol esportes

20 de Setembro de 2013 - 10:32

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo-15 (IPCA-15), considerado a prévia da inflação oficial, subiu 0,27% em setembro, ante alta de 0,16% no mês anterior, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta sexta-feira (20).

Em 12 meses, a inflação ficou abaixo de 6% pela primeira vez neste ano. Nos últimos 12 meses, a inflação acumulada foi para 5,93%, abaixo dos 6,15% até agosto. A meta de inflação do governo é de 4,5% no ano, com tolerância de 2 pontos percentuais para mais ou para menos.

No acumulado de 2013, o indicador foi para 3,97% --acima da taxa de 3,81% relativa a igual período de 2012. A alta dos preços é uma das maiores preocupações da equipe econômica do governo. A presidente Dilma Rousseff, inclusive, já havia chamado de pessimistas os que não acreditam que a inflação ficará dentro da meta.

Tarifa de ônibus deixa de cair; passagem aérea dispara

O principal "vilão" foi o grupo Transportes, segundo o IBGE: em agosto, tinha registrado queda de 0,30 e, em setembro, subiu 0,30%. O motivo foi o fim da queda das tarifas dos ônibus urbanos, que ficaram estáveis em setembro, após terem registrado queda de 1,02% em julho e de 1,69% em agosto.

Além disso, as passagens aéreas registraram alta de 16,08% no mês, compensando os recuos de 1,31% no etanol e de 0,26% na gasolina.

Alimentos: alta do pãozinho, macarrão e leite longa vida Entre os alimentos, os principais destaques ficaram com os derivados de trigo: pão francês (2,80%), farinha de trigo (2,68%), pão doce (1,94%) e macarrão (1,46%).

Subiram, também, os preços do leite longa vida (2,34%), frutas (1,88%), lanche (0,77%) e refeição consumida fora de casa (0,61%).

Com Reuters