Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 22 de Fevereiro de 2024

Eleições 2022

Lídio diz que Riedel é o mais preparado para ser governador

Lídio que é presidente do diretório regional do Patriota, o partido optou por Riedel porque ele é o mais preparado para comandar.

Redação/Região News

16 de Outubro de 2022 - 19:58

Lídio diz que Riedel é o mais preparado para ser governador
Eduardo Riedel (Camisa Verde). Foto: Assessoria

O Patriota, partido da prefeita da Capital, Adriane Lopes e do marido dela, o deputado estadual Lídio Lopes, oficializaram no último, apoio ao candidato do PSDB ao Governo do Estado, Eduardo Riedel. Entrevistado pelo RN, Lídio, que é presidente do diretório regional do Patriota, o partido optou por Riedel porque ele é o mais preparado para comandar o Governo a partir de 2023.

“Eu trabalho com muita responsabilidade como deputado estadual e foquei muito nisso. Em ver proposta de governo e gestão. Não acordamos espaço nenhum. Temos cinco prefeitos, 35 vereadores e toda uma estrutura”, ressaltou. Lídio disse que aguardou até agora para fazer o anúncio porque conversou com os dois candidatos ao governo.

“Nós tínhamos um alinhamento, com um projeto traçado desde 2016. Infelizmente 2022 não saiu como imaginávamos, do ex-prefeito Marquinhos estar no segundo turno, e diante disso passamos por um momento de avaliação. Diante da dificuldade da agenda dos candidatos, para a gente ouvir o Contar e Riedel, tivemos uma fala com os dois. Ouvimos os dois. Diante desse alinhamento e conversa que tivemos, entendemos que o melhor no sentido de gestão pública e tocar o Estado, o Patriota decidiu pelo Riedel”, explicou o deputado.

Prefeitura

Casado com a prefeita de Campo Grande, Adriane Lopes (Patriota), o presidente da legenda confirmou o acordo que a sigla tinha com ex-prefeito Marquinhos Trad (PSD). “Tinha uma conversa com ex-prefeito Marquinhos, para dar segurança para a campanha dele. Não mexer na gestão. A Adriane assumiria e tocaria com tranquilidade, com a equipe dele até as eleições”, confirmou Lídio Lopes.

Ele acrescentou que as mudanças na gestão da esposa estão ocorrendo de forma natural. “Acabou as eleições, ela é prefeita de fato, tem direito de estabilizar a equipe e mudar cargos que ela acha estratégico para a gestão. Tinha que trocar os cargos nevrálgicos da administração, como secretaria de Governo e chefe de gabinete, já que não eram dela”, concluiu.