Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Segunda, 15 de Agosto de 2022

Esporte

Mesmo sem poder atuar, Rogério Ceni irá concentrar com elenco tricolor

Apesar do desfalque na equipe comandada pelo técnico interino Milton Cruz, Rogério irá se concentrar com o elenco.

Gazeta Esportiva

28 de Novembro de 2015 - 10:03

Rogério Ceni não jogará seu último jogo oficial da carreira no Morumbi. O departamento médico do clube já havia alegado que o goleiro não possuía condições de ir a campo e, com a divulgação da lista de relacionados para o duelo contra o Figueirense, a ausência do ídolo tricolor foi confirmada. O camisa 01 sofreu uma ruptura do ligamento tíbio-fibular do pé direito na derrota por 3 a 1 para o Santos, no dia 28 de outubro, na Vila Belmiro, em confronto válido pelo segundo jogo da semifinal da Copa do Brasil.

Apesar do desfalque na equipe comandada pelo técnico interino Milton Cruz, Rogério irá se concentrar com o elenco. O jogador chegou a tentar treinar nesta quinta-feira, mas com fortes dores e sem conseguir realizar alguns movimentos como agachamento e quedas abandonou o campo e retomou tratamento no Reffis.

“Eu já estaria no Morumbi de qualquer maneira, com condições de jogo ou não, porque é um costume que tenho. Sempre gosto de estar com o time, mas desta vez foi um convite do Milton Cruz para que eu estivesse com o elenco. E eu também gostaria de estar concentrado hoje, com a perspectiva do que fazer na partida para ajudar a equipe, mas infelizmente o tempo de recuperação não foi suficiente”, afirmou o goleiro que teve um mês para se recuperar, o que não foi suficiente.

Agora, o goleiro irá aproveitar a concentração para continuar o tratamento de fisioterapia com os profissionais do clube.  Essa será a última vez que Rogério irá permanecer no CT da Barra Funda antes de um jogo no Morumbi e, por isso mesmo, ele também preferiu ficar ao lado dos companheiros.

“Esta é minua última concentração no CT. Por isso, gostaria de estar presente com os meus companheiros e viver essa situação pela última vez na minha carreira”, disse o arqueiro que ainda terá a oportunidade de realizar seu último jogo como profissional contra o Goiás, na última rodada do Brasileirão, fora de casa, no próximo dia 6 de dezembro, domingo, no Serra Dourada. Depois disso, acontece o jogo comemorativo de sua despedida, no dia 11 de dezembro, reunindo os campeões mundiais de 2005.