Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 26 de Maio de 2022

Policial

Após greve, UFMS define calendário e aulas de 2016 vão começar em maio

Conforme o Coeg, as aulas deverão ser repostas respeitando o turno de funcionamento do curso.

Campo Grande News

20 de Outubro de 2015 - 10:53

A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) estabeleceu o período de reposição das aulas do primeiro semestre: 13 de outubro a 28 de novembro. A resolução do Coeg (Conselho de Ensino de Graduação) é da última sexta-feira, dia 16, mas terá efeito retroativo ao dia 13.

Conforme o Coeg, as aulas deverão ser repostas respeitando o turno de funcionamento do curso. Após greve dos professores da instituição, que começou em 15 de junho e terminou em 13 de outubro, houve polêmica sobre o calendário acadêmico.

O cronograma definiu o último dia 13 como início do segundo semestre, mas não fazia menção ao período de reposição. A Adufms, sindicato que representa os professores da universidade, chegou a recorrer à Justiça.

Para muitos cursos, a greve aconteceu de fato entre 22 de junho e 31 de agosto, quando o conselho suspendeu o calendário acadêmico. A revogação da medida abriu caminho para que muitos universitários retornassem às aulas em setembro. A previsão para início das aulas do primeiro semestre letivo de 2016 é em 16 de maio.