Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 23 de Outubro de 2021

Policial

Assalto em mercado da Rede Econômica pode ter sido planejado por presidiário

Os assaltantes levaram R$ 4.592, agrediram uma funcionária e atiraram em outro funcionário

Midiamax

30 de Março de 2011 - 15:00

Foram presos pela Delegacia Especializada de Repressão aos Roubos e Furtos (Derf) três assaltantes envolvidos no roubo a um supermercado da Rede Econômica do bairro Itanhangá, no último dia 17. Os assaltantes levaram R$ 4.592, agrediram uma funcionária e atiraram em outro funcionário.

Wellverson dos Santos Rolão, de 21 anos, trabalhava como açougueiro no supermercado e ajudou a planejar o assalto junto com Wesley Henrique dos Santos, 23 anos e Eduardo Henrique Costa, de 29 anos. O delegado responsável pelo caso acredita que o roubo tenha sido organizado com a ajuda de presidiários que estão sendo investigados.

A pessoa que chegou ao supermercado armado, atirou em um funcionário, agrediu uma funcionária e roubou o dinheiro, ainda não foi identificada. Ele teria sido contratado por alguém de dentro da prisão para praticar o roubo e calcula-se que recebeu R$ 1.500 do dinheiro roubado. O restante foi dividido entre os homens que articularam o roubo, e apenas R$ 200 foram recuperados.

Após a análise das imagens das câmeras de segurança do supermercado, ficou claro que o homem não identificado bateu com a arma de fogo em uma mulher sem motivos e logo em seguida o disparo acertou outro funcionário no pescoço. Ninguém reagiu ao assalto e o disparo teria sido ocasional.

Os três homens estão presos na Derf e Eduardo Henrique já tinha passagem pela polícia por roubo. O caso continua a ser investigado para identificar a pessoa contratada para realizar o crime e o presidiário que teria ajudado na realização do assalto.