Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Domingo, 17 de Outubro de 2021

Policial

Desempregada procura ajuda espiritual e é estuprada por suposto pai de santo

No local e mulher foi abusada sexualmente. Enquanto cometia os abusos, o homem pedia para que ela ficasse calma, alegando que ele estava incorporado.

Campo Grande News

29 de Julho de 2013 - 14:29

Uma mulher de 51 anos foi estuprada por um suposto pai de santo, por volta das 18h deste domingo (28), em Campo Grande. Segundo a Polícia, a vítima entrou em contato com o autor, depois que a filha dela recebeu um panfleto na Rua Ana Luiza de Souza, no Bairro Pioneiros. O anuncio dizia que o “pai de santo” fazia trabalhos espirituais e que não cobrava pelo serviço.

Depois de ligar para o telefone que estava no anúncio, o suposto pai de santo foi até a casa da vítima, no Bairro Universitários. De lá, os dois seguiram juntos na motocicleta do autor, uma CBX200 strada, de cor vermelha.

“Ele me levou para casa dele. Lá me deu um vinho, apagou as luzes e começou a me agarrar. Pedi para que ele parasse, não estava lá para aquilo. Em seguida me levou de moto até uma estrada com muito mato. Eu estava muito tonta, mas me recordo que ficava na saída para Cuiabá”, diz a vítima.

No local e mulher foi abusada sexualmente. Enquanto cometia os abusos, o homem pedia para que ela ficasse calma, alegando que ele estava incorporado.

A vítima foi deixada em casa por volta das 22h, pelo próprio autor. “Meus filhos viram ele, só não fizeram nada porque estava perto de uma pizzaria e eles poderiam se prejudicar. Estou com muito medo, já não saia de casa, agora que não vou mais ter coragem de sair", desabafou a mulher.

A vítima, que trabalha como diarista há um mês está desempregada e disse que ligou para o pai de santo porque precisava de um emprego. Hoje pela manhã ela foi até o posto de saúde e tomou o coquetel anti-HIV.

O caso é investigado pela DEAM (Delegacia Especializada de Atendimento à mulher).