Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 25 de Maio de 2022

Policial

Homem é executado em bar e ex-sogro é suspeito de autoria no crime

Agressão contra ex-mulher da vítima teria motivado assassinato que ocorrem ontem

Correio do Estado

19 de Outubro de 2015 - 08:13

Julião Munhoz Ruis, 34 anos, foi executado com quatro tiros, por volta das 21h de ontem (18), dentro de um bar, localizado na Rua Júlio de Siqueira Maia, no Centro da cidade de Rio Brilhante. Segundo testemunha, Julião tinha histórico de agressão contra a ex-convivente e, por isso, vinha sendo ameaçado de morte pelo pai dela.

Consta em registro policial sobre o caso que a vítima ingeria bebida no estabelecimento comercial quando foi surpreendida por tiros, disparados por homem que chegou ao local a pé. Depois do crime, o assassino fugiu.

Julião chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos provocados no tórax, abdômen e braço esquerdo.

No cenário do crime, policiais apreenderam um projétil de calibre 38, provavelmente, da arma que fora utilizada.

MOTIVO

Uma testemunha disse à polícia que Julião vinha sendo ameaçado de morte pelo ex-sogro devido a envolvimento em violência doméstica contra a filha do homem que é suspeito de ter sido o autor do homicídio.

Ninguém foi preso e o caso está sob investigação.