Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Terça, 26 de Janeiro de 2021

Policial

Homem "que fez besteira" esfaqueou mulher em acerto de contas por venda de arma

A delegada responsável pelo caso garantiu que todos os envolvidos estão sendo ouvidos pela polícia, mas até o momento não há informações sobre o paradeiro de Marlone

MidiaMax

10 de Setembro de 2014 - 15:59

Eike Marlone, apontado como suspeito de ter esfaqueado uma mulher de 32 anos, na noite da última segunda-feira (8), na Rua Fenícia, no Bairro Bosque da Esperança, em Campo Grande, cometeu o crime por não ter recebido R$ 100,00 referentes ao pagamento da venda de um revólver.

Segundo a delegada Daniella Kades, da 3ª Delegacia de Polícia de Campo Grande, a mulher, esfaqueada com uma peixeira na região abdome, relatou à polícia que ficou responsável por receber o dinheiro e entregar para o suspeito, no entanto, a dívida não foi paga pelo comprador.

“Ela nos disse que é usuária de drogas e quando contou para o autor que não havia recebido o dinheiro, ele pensou que era mentira, que ela havia gastado o valor comprando entorpecentes e com isso ficou nervoso e a esfaqueou”, explicou.

Após ser atingida a mulher foi socorrida por vizinhos e encaminhada pelo Samu (Serviço de Atendimento de Urgência) para a Santa Casa, onde passou por cirurgia. Segundo as informações, a vítima está bem e não corre risco.

Depois de esfaquear a vítima, Marlone voltou para residência onde mora, no Jardim Noroeste, trocou de roupas e fugiu após confessar o crime a um irmão, ao qual confessou que "teria feito uma besteira". A Polícia Militar realizou diligências na região, mas não conseguiu localizar o suspeito.

A delegada responsável pelo caso garantiu que todos os envolvidos estão sendo ouvidos pela polícia, mas até o momento não há informações sobre o paradeiro de Marlone, que continua sendo procurado.