Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Segunda, 22 de Julho de 2024

Policial

Indígena morre em hospital após ser violentamente espancado em Dourados

De acordo com informações, no dia 29 de agosto a vítima envolveu-se numa briga, foi espancado e passou de um hospital para outro

Dourados Agora

13 de Setembro de 2012 - 08:15

A Polícia Civil investiga as causas da morte do indígena Wilson Garcia, de 44 anos, que residia na Aldeia Lagoa Rica. Ele morreu na manhã de ontem, vítima de complicações decorrentes de um espancamento.

De acordo com informações, no dia 29 de agosto a vítima envolveu-se numa briga, foi espancado e passou de um hospital para outro. A princípio foi atendido na unidade hospitalar de Douradina, liberado e passou mal em casa.

Conforme o site, encaminhado para o hospital da Missão Caiuás, ele foi atendido e novamente liberado. O quadro piorou e Wilson foi levado para o Hospital da Vida, em Dourados, onde se constatou que o caso dele era grave. Mas já era tarde, e ele morreu.

De acordo com a Polícia Civil de Douradina, o caso foi denunciado pelo funcionário da Fundação Nacional de Saúde (Funasa), Carlos Roberto Narciso.

Agora, a Polícia Civil quer saber por que o homem foi levado de um hospital para outro e liberado duas vezes, apesar da gravidade do caso.