Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 29 de Julho de 2021

Policial

Juiz decreta prisão de padrasto que abusava sexualmente da enteada de 13 anos

O caso chegou ao conhecimento do delegado titular da DEPOL de Sidrolândia, Enilton Zalla na quarta-feira à noite (29),

Flávio Paes/Região News

31 de Outubro de 2014 - 11:00

Uma equipe da Polícia Civil de Sidrolândia em cumprimento ao mandado de prisão preventiva expedida pelo juiz da 2ª Vara, Fernando Moreira da Silva, esteve numa propriedade próxima a Fazenda Piana, onde prendeu o funcionário de um aviário, de 33 anos de idade, que confessou ter estuprado e há um ano vinha abusando sexualmente da enteada, uma menina de 13 anos.

O caso chegou ao conhecimento do delegado titular da DEPOL de Sidrolândia, Enilton Zalla na quarta-feira à noite (29), quando uma tia da menina apresentou a denúncia. A jovem pediu ajuda a ela para tentar se livrar do assédio do padrasto que a ameaçava caso contasse a alguém a situação.

A mãe da vítima toma remédio controlado porque sofre de depressão desde que perdeu um filho. O delegado ouviu a menina e confirmou que vinha sendo forçada a manter relações sexuais com o padrasto mais de uma vez por dia. O próprio acusado confessou  o crime no depoimento que prestou na delegacia.