Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Terça, 16 de Abril de 2024

Policial

Mãe acusada de matar filha de 3 anos será interrogada nesta 4ª feira

Campo Grande News

29 de Junho de 2011 - 11:22

Acusada pela morte da filha de 3 anos, Renata Dutra de Oliveira será interrogada nesta quarta-feira, na 1ª Vara do Tribunal do Júri de Campo Grande.

A menina Rafaela morreu no dia 28 de fevereiro do ano passado. A mãe e o padrasto Handerson Cândido Ferreira são suspeitos de espancar a menina. Laudo necroscópico apontou que a criança agonizou por pelo menos 24 horas antes de morrer.

Além da lesão no cérebro, foram encontrados hematomas em várias partes do corpo. A família morava na rua Bodoquena, no bairro Amambaí, em Campo Grande. O casal chegou a ser preso em março de 2010, mas está em liberdade desde maio do ano passado. O caso chocou a cidade.

Renata já havia sido denunciada duas vezes ao Conselho Tutelar por maus-tratos contra a menina. O padrasto da menina será interrogado em Coxim, por meio de carta precatória.

O MPE (Ministério Público Estadual) denunciou o casal por homicídio qualificado, por meio cruel e impossibilidade da defesa, com o agravante da vítima ser menor de 14 anos e filha. O juiz Alexandre Tsuyoshi Ito ainda vai decidir se levará o casal a júri popular.