Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 26 de Setembro de 2020

Policial

Operação prende "Gambá", elo do tráfico entre Bolívia e Campo Grande

Foram cumpridos 27 mandados, sendo 11 de prisão e 16 de busca e apreensão. Também foram apreendidos droga, munição, veículos

Campo Grande News

13 de Dezembro de 2019 - 10:57

A Operação Didelphis, deflagrada nesta manhã pela Denar (Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico), em Campo Grande e Corumbá, para desarticular organização criminosa de tráfico internacional de droga, prendeu Tiago da Silva Cuellar, conhecido como Gambá. Ele é apontado pela polícia como líder do grupo criminoso.

Segundo a Polícia Civil, as investigações começaram no início deste ano e apontaram que a organização criminosa enviava de Corumbá para a Capital remessas de cocaína para abastecer dezenas de bocas de fumo na cidade.

No total, foram cumpridos 27 mandados, sendo 11 de prisão e 16 de busca e apreensão. Também foram apreendidos droga, munição e veículos. O nome da operação faz referência ao nome científico da alcunha do principal alvo da ação em Corumbá, o "Gambá". Os nomes dos outros presos ainda não foram divulgados. Mais informações sobre a operação serão divulgadas em coletiva de imprensa.

Participaram da ação policial, coordenada pela Denar, 48 policiais civis, com equipes da Derf (Delegacia Especializada de Roubos e Furtos), Garras (Delegacia de Repressão de Roubo a Banco, Assaltos e Sequestros), Defurv (Delegacia Especializada de Furtos e Roubos de Veículos) e Depca (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente), além de sete policiais rodoviários federais e policiais civis e militares da região de Corumbá.