Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 31 de Outubro de 2020

Policial

Personal trainer é preso por tráfico e venda de anabolizantes na Capital

A denúncia do comércio na rua Camilo Meres ocorreu há três semanas, quando investigadores passaram a monitorar o local.

Campo Grande News

23 de Janeiro de 2014 - 10:40

Professor de Educação Física, pós graduado e personal trainer de nove alunos, Jean Carlos de Paula Soares, 29 anos, foi preso em flagrante na tarde de ontem (22), pelo crime de tráfico de drogas. Ele confessou ser usuário há 10 anos, sendo que também “dava” entorpecente para amigos que frequentavam a mesma boca de fumo, no Lar do Trabalhador, em Campo Grande.

A denúncia do comércio na rua Camilo Meres ocorreu há três semanas, quando investigadores passaram a monitorar o local. Após verificar a grande movimentação e venda de drogas, eles foram abordados. Três usuários e os traficantes Jean e Kátia Campos Valejo, 32 anos, foram levados para a Denar (Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico).

Jean, além de porções de cocaína e maconha, estava com os anabolizantes Decaland Depot, Stanozoland Depot e XY Lestesin 2%. Na casa ainda foram apreendidos quatro telefones celulares, jóias, R$ 62,30, duas balanças de precisão e petrechos para o preparo da droga.

Ele, que é casado e possui uma filha de quatro anos, ainda diz que está arrependido. Porém não discrimina o uso de anabolizantes. “Tudo o que é ingerido em excesso faz mal, no entanto, se tomado na dose certa, o anabolizante faz bem”, defende o personal trainer.

Indiciamento - Ele, bem como Kátia, segundo o delegado João Paulo Sartori, responderão por tráfico de drogas (5 a 15 anos de reclusão) e associação para o tráfico (2 a 8 anos de reclusão). Jean possui duas passagens por tentativa de furto.