Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 27 de Outubro de 2021

Policial

Polícia Civil investiga duas mortes violentas de indígenas em Amambai

A polícia não descarta a hipótese de o crime ter sido cometido em outra localidade e o corpo do rapaz ter sido levado para o local onde foi encontrado.

A Gazeta News

02 de Julho de 2013 - 08:00

A Polícia Civil de Amambai está investigando a morte de dois indígenas ocorridas entre domingo, e essa segunda-feira, na Aldeia Limão Verde, em Amambai. Os dois jovens guarani-kaiowa, um de 19 e outro de apenas 16 anos, foram vítimas de morte violenta.

Segundo a polícia, Cleomar Oliveira, de 19 anos, teria se suicidado com o próprio cinto. Ele teria amarrado ao cinto em uma travessa de sustentação do teto no interior da casa de sua tia, onde estaria residindo e sentado na janela da residência para cometer o suicídio.

Outro caso

No outro caso, Joanilson Martins, de 16 anos, foi assassinado, segundo a Polícia Civil, possivelmente vítima de golpes de pauladas na cabeça. De acordo com a polícia, familiares informaram que o adolescente teria saído de casa por volta das 11h da manhã desse domingo e não foi mais visto.

O corpo do jovem guarani-kaiowá foi localidade no decorrer da madrugada dessa segunda-feira às margens da Rodovia MS-156, trecho que corta a Aldeia Limão Verde, entre Amambai e Tacuru.

De acordo com a Polícia Civil de Amambai, que atua nas investigações do caso com apoio de lideranças da reserva indígena, próximo ao corpo da vítima foi encontrado uma camisa suja de sangue que possivelmente possa ser do autor ou de um dos autores do crime.

A polícia não descarta a hipótese de o crime ter sido cometido em outra localidade e o corpo do rapaz ter sido levado para o local onde foi encontrado. As investigações continuam.