Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 23 de Setembro de 2020

Policial

Preso ligado a facção criminosa é expulso do Paraguai e entregue à autoridades brasileiras

Guilherme Antonio Vieira, conhecido como 'Xiru' foi preso com outros dois brasileiros em Capitán Bado, cidade paraguaia que faz fronteira com o Brasil.

G1 MS

06 de Fevereiro de 2020 - 15:22

A Policia Nacional do Paraguai entregou o traficante brasileiro Guilherme Antonio Vieira, conhecido como "Xiru" à Polícia Federal na Ponte da Amizade, entre Ciudad del Este e Foz do Iguaçu (PR), e na manhã desta quinta-feira (6) ele chegou a cidade de Caçador (SC), onde está preso. O traficante foi detido em Capitán Bado, cidade paraguaia que faz fronteira com o Brasil em Mato Grosso do Sul, na quarta-feira (5).

"Xiru" foi levado ao município catarinense porque tem mandados de prisão em aberto na região e era procurado pela polícia. Ele é apontado pela polícia como o principal fornecedor de drogas para uma facção de Santa Catarina.

"Nós estávamos investigando esse indivíduo há pelo menos 2 anos, ele começou agindo aqui na região e depois migrou para o Paraguai onde se tornou o fornecedor de drogas para a principal facção criminosa do estado. A prisão dele representa uma perda grande para o grupo, uma quebra de uma grande rede de contatos e fornecimento de entorpecentes" disse o delegado da Divisão de Investigação Criminal da Polícia Civil de Caçador, Davi Matos Pinheiro.

O delegado ainda explicou que uma colaboração entre as policias do Brasil e do Paraguai foi que levou a prisão do traficante. Guilherme será interrogado ainda nesta quinta e responderá pelos crimes de tráfico e associação criminosa.