Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 23 de Setembro de 2020

Policial

Traficante que matou irmãos não tinha CNH e levava 160 kg de maconha

Duas das vítimas morreram no local; sobrevivente passou por cirurgia e segue internada após ferimentos graves

Campo Grande News

29 de Dezembro de 2019 - 18:26

O carro conduzido pelo homem, de 25 anos, que furou bloqueio policial e atropelou três pessoas, matando duas delas, na noite de ontem (28), estava carregado com mais de 160 quilos de maconha. O acidente aconteceu no distrito de Nova Casa Verde, em Nova Andradina.

Conforme o site Nova Notícias, o condutor, que é natural do Estado da Bahia, também não possuía CNH (Carteira Nacional de Habilitação). Entre as vítimas que não resistiram ao atropelamento e morreram no local está uma criança de 10 anos e sua irmã, maior de idade.

A mãe das vítimas, identificada como Simone Silva, também foi atingida pelo veículo em fuga e precisou ser socorrida em estado grave para unidade de saúde do município. Ela passou por cirurgia na perna e, conforme o site, seu estado de saúde atual é considerado estável.

Ao todo, a droga encontrada no veículo modelo Kia Cerato, com placas de Vitória da Conquista (BA), totalizou 166,32 kg.

Acidente – As três pessoas da mesma família foram atropeladas por motorista em fuga depois de ter furado o bloqueio da PRF (Polícia Rodoviária Federal).
Após atropelar o trio, o condutor bateu em uma carreta e foi preso em flagrante. Ele, a droga apreendida e o veículo envolvido nos acidentes foram levados para a Primeira Delegacia de Polícia Civil de Nova Andradina.