Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 5 de Maio de 2021

Policial

VÍDEO: Homem não aceita fim de romance e incendeia casa com ex dentro

O atual marido da vítima, de 32 anos, contou à reportagem que a separação entre ela e o autor aconteceu há quatro meses e desde então ameaças têm sido feitas.

Correio do Estado

04 de Janeiro de 2017 - 09:05

Inconformado com o fim do relacionamento, homem invadiu casa da ex, jogou gasolina e ateou fogo por volta das 18h20min de ontem. O imóvel atacado fica na Rua Jamil Basmage, no Bairro Montevidéu, em Campo Grande. A mulher, de 38 anos, chegou a ser levada para socorro médico por causa da fumaça que inalou, mas já foi liberada de hospital.

O atual marido da vítima, de 32 anos, contou à reportagem que a separação entre ela e o autor aconteceu há quatro meses e desde então ameaças têm sido feitas. “Eu já fui casado com ela durante três anos, mas nos separamos e nesse período de cerca de cinco meses, ela se relacionou com ele. Terminou porque ele é usuários de drogas e bebidas. Reatamos tens uns quatro meses, mas ele não aceita”, disse o homem que disse trabalhar como vigilante.

IMAGENS QUE FLAGRARAM

Câmera instalada na casa, justamente para reforçar a segurança, mostra momento em que o incendiário chega com galão de gasolina e após jogar o produto inflamável risca fósforo, em seguida corre.

Ainda de acordo com declarações, o casal acordou com barulho do motor de motocicleta Titan que estava próxima explodindo por causa das chamas. O local onde foi ateado fogo é o quarto e estava com a janela fechada. “Graças a Deus. Senão o risco teria sido bem maior”, desabafou o marido da mulher.

O fogo foi controlado pelo próprio morador com uso de mangueira. Segundo ele, a casa fica em vila de três imóveis com único portão de acesso, que fica sem cadeado. O que facilitou para a entrada do incendiário.

O caso foi denunciado à Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam) e está sob investigação. O autor do incêndio não foi encontrado.

Confira vídeo divulgado pelas vítimas que mostra momento do ataque do incendiário.