Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Segunda, 19 de Abril de 2021

Policial

Vídeo mostra meninas brigando em frente à escola e gera queixa contra Guarda

Não dá para identificar em qual escola ocorre à briga, mas pelo uniforme é possível constatar que as duas são alunas da rede estadual de ensino

Campo Grande News

06 de Novembro de 2014 - 15:49

Mais um vídeo de briga entre estudantes de Dourados, foi parar nas redes sociais e já tem quase três mil visualizações. A gravação feita com telefone celular mostra uma briga entre duas alunas de uma escola estadual da cidade, assistida por dezenas de outros alunos.

Não dá para identificar em qual escola ocorre à briga, mas pelo uniforme é possível constatar que as duas são alunas da rede estadual de ensino. Uma pessoa que comentou o vídeo no Facebook escreveu que a escola é a Maria da Glória Muzzi Ferreira, no Jardim Água Boa.

Também não há informação de quando ocorreu o fato. O confronto ocorre na calçada externa da escola, a poucos metros de um dos portões, como é possível perceber na gravação.

O vídeo foi compartilhado no Facebook por um rapaz identificado como Anderson Braga. Uma garota loira e uma de cabelos escuros, de estatura menor, se estapeiam e a maior derruba a rival enquanto alguns os garotos comemoram e gritam. Um deles, possivelmente o que estava gravando a cena, afirma: “toma vagabunda, tomou um pau”.

Anderson aproveitou o post para se queixar do trabalho da Guarda Municipal, que em Dourados é responsável pela ronda escolar.

“E agora, cadê a Guarda Municipal de Dourados? Qual é o serviço da Guarda? Ronda escolar, não é? Cadê os policiais? Só acho que deviam se preocupar menos com carros rebaixados e cuidar mais dessas saídas de escolas. Não fazemos mal a ninguém, transitamos com cuidado, cuidamos muito mais de nossos carros. Dourados precisa de mais segurança, não de policiais que só sabem prender carros rebaixados”, escreveu, concluindo o texto com um agradecimento à Polícia Militar de Dourados e à Getan (Grupamento Especial Tático de Motos) “que verdadeiramente estão ligados ao policiamento de segurança de Dourados”.

Ao site, o comandante da Guarda Municipal de Dourados, Joao Vicente Chencarek, rebateu a queixa de que a corporação só se preocupa em apreender carros rebaixados e disse que apenas uma viatura carrega talonário de multas. “Deixamos essa parte de notificação de infrações para a Agetran e estamos cuidando mais da segurança, da preservação do patrimônio público e colaborando com o trabalho da polícia”, afirmou.

Ele informou ainda que a Guarda Municipal faz rondas diárias nas escolas públicas e particulares da cidade e nos últimos meses intensificou o trabalho para evitar atos de violência e outros crimes nas proximidades dos estabelecimentos de ensino.