Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Segunda, 29 de Novembro de 2021

Política

Acuado pela maioria da oposição, Bernal se defende se graves acusações

Segundo ele, sua agenda inclui reuniões e conversas com muitas pessoas e que não se recorda de ter sido contatado pelo grupo.

G1 MS

24 de Setembro de 2013 - 07:55

O prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), nega qualquer tipo de envolvimento nos crimes praticados pela quadrilha denunciada no jornal O Globo, acusada de angariar recursos das previdências municipais em diversas cidades do Brasil. Escutas revelaram o interesse do grupo em reunir-se com o chefe do Executivo da capital sul-mato-grossense.

Segundo ele, sua agenda inclui reuniões e conversas com muitas pessoas e que não se recorda de ter sido contatado pelo grupo.

“O político encontra com muita gente, eu recebo e converso com várias pessoas. Não me recordo de ter conversado especificamente com essa pessoa”, afirmou o prefeito, que ontem concedeu entrevista coletiva à imprensa para se explicar.

Ele disse ainda que previdência de Campo Grande não tem qualquer irregularidade. Segundo o jornal, a conversa em que Bernal foi citado consta em documento da Polícia Federal e teria ocorrido em 21 de novembro de 2012, após as eleições em que o político foi eleito.