Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 22 de Fevereiro de 2024

Política

Blitz, buscas e arrastão policial marcam véspera da eleição suplementar

Além do Paraiso, um dos alvos dos “fiscais de plantão” das coligações, foi o Sidrolar, no final das Malvinas.

Marcos Tomé/Região News

03 de Março de 2013 - 01:36

Foto: Marcos Tomé/Região News

Blitz, buscas e arrastão policial marcam véspera da eleição suplementar

Dezenas de veículos, motos, além de aproximadamente 30 policiais, passaram a noite de ontem e madrugada de hoje percorrendo os principais bairros e vilas de Sidrolândia na tentativa de coibir a compra de voto. Veículos com adesivos de ambos os candidatos, Acelino Cristaldo e Ari Basso, desceram numa espécie de comboio para o Jardim Paraíso, localizado nos fundos do bairro São Bento.

Além do Paraíso  um dos alvos dos “fiscais de plantão” das coligações, foi o Sidrolar, no final das Malvinas. Certa hora, o serviço de emergência, o 190 da Polícia Militar, chegou a ficar congestionado em decorrência das inúmeras denuncias de compra de voto, movimentação suspeita e outras ocorrências como, por exemplo, acidente de transito.

Uma das denuncias no Sidrolar mobilizou duas viaturas dos militares e pelos menos, oito policiais. Com a chegada do policiamento no local indicado pelo “denunciante”, curiosos congestionaram a rua de acesso ao bairro e logo, uma multidão se formou no entorno. Apesar do tumulto, nada irregular foi encontrado pelos policiais.

Blitz e um verdadeiro arrastão nessas localidades foram estratégias utilizadas pelos policiais para conter os ânimos.