Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 18 de Agosto de 2022

Política

Por iniciativa de Waldemar, Câmara cobra polícia elucidação da morte de primos

Segundo o vereador Waldemar Acosta, autor da proposta aprovada pelo Legislativo, os crimes ocorridos há mais de cinco meses, continuam impunes.

Flávio Paes/Região News

17 de Agosto de 2015 - 19:56

A Câmara Municipal de Sidrolândia vai cobrar do delegado da Polícia Civil, Carlos Eduardo Trevelin, que apresente os resultados alcançados até aqui com as investigações sobre as mortes dos primos Diego Santos Soares (22 anos) e Rogério Soares (17 anos).

Segundo o vereador Waldemar Acosta, autor da proposta aprovada pelo Legislativo, os crimes ocorridos há mais de cinco meses, continuam impunes, sem que ainda tenha se chegado ao autor ou autores do duplo homicídio cometido em pleno centro da cidade.

“Diante da indignação dos familiares, que tem manifestado nas redes sociais, cobrando justiça, decidi propor este posicionamento do Legislativo, porque não se pode aceitar que a impunidade prevaleça sobre o sentimento de justiça”, avalia o representante do PDT.

Com a indicação, que acabou tendo o apoio dos 13 vereadores, a Câmara vai encaminhar ofício ao delegado pedindo informações sobre o andamento do inquérito e sugerir uma ação conjunta com a Polícia Militar, numa força-tarefa para tentar desvendar este e outros crimes que vem sendo registrados na cidade.