Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 24 de Fevereiro de 2024

Política

Presidente regional do PT reafirma compromisso de apoio a Acelino e vinda de Delcidio para campanha

Na próxima semana, Garcia garante que o senador e o Acelino vão agendar eventos de campanha na cidade e nos assentamento

Flávio Paes/Região News

08 de Fevereiro de 2013 - 10:45

O senador Delcidio do Amaral e as principais lideranças regionais do PT de Mato  Grosso do Sul  logo após o Carnaval vão estar engajados na campanha do candidato do PMDB a Prefeitura de Sidrolândia Acelino Cristaldo, que tem como  vice a professora Eliane Salvatti, militante histórica do partido.

“Por deliberação das instâncias partidárias, o PT está integrado ao projeto do Acelino. A orientação repassada a todas as lideranças e que participem da campanha, promovendo agendas com o Acelino e a Eliane”, afirma o presidente do diretório regional, Marcus Garcia. No próximo domingo alguns dirigentes partidários vão acompanhar os candidatos em visitas aos assentamentos.

De acordo com Marcus Garcia, o senador Delcidio do Amaral, maior liderança do partido e pré-candidato ao Governo do Estado em 2014, virá a Sidrolândia para subir no palanque de Acelino e da professora Eliane.  Ele lembra que este aparentemente distanciamento do PT é porque o início da campanha coincidiu com a abertura dos trabalhos no Congresso Nacional, eleição da Mesa Diretora. Agora vem os feriados de Carnaval.

Na próxima semana, Garcia garante que o senador e o Acelino vão agendar eventos de campanha na cidade e nos assentamentos, nos quais o senador estará presente junto com os representantes do partido na bancada federal e na Assembleia Legislativa.

O dirigente estadual do PT mostra estranheza com a atitude do ex-vereador Jean Nazareth que anunciou voto no candidato do PSDB, inconformado com por ter sido substituído pela professora Eliane como vice de Acelino. “Quem mais se empenhou pela aliança com o PMDB foi justamente o Jean. Logicamente, o que ele entendia até pouco tempo como o melhor para o partido, deve prevalecer agora. Este encaminhamento foi aprovado e deliberado pelo partido”.

Quanto a indicação da professora Eliane, conforme Marcus Garcia, foi uma medida “ pensada de forma conjunta pelas forças partidárias . Houve o entendimento de que ela sob o ponto de vista eleitoral, agregaria mais, por ser mulher,  ser próximo dos  movimentos sociais, ter compromisso  com a educação”.