Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sexta, 18 de Setembro de 2020

Sidrolândia

Primeiros socorros em Sidrolândia salvaram a vida do presidente da Câmara

O parlamentar gravou o vídeo com a intenção de passar uma mensagem para tranquilizar e agradecer as pessoas.

Gildo Tavares/ Região news

12 de Fevereiro de 2020 - 07:28

Primeiros socorros em Sidrolândia salvaram a vida do presidente da Câmara

Em mensagem publicada em uma rede social, o presidente da Câmara Municipal de Sidrolândia, Carlos Henrique Olindo disse que os primeiros atendimentos que recebeu no Hospital Elmiria Silvério Barbosa de Sidrolândia foram primordiais para sua sobrevivência. O parlamentar fez ainda outra revelação. Ele já tinha um problema no coração e a prática de exercícios físicos, como andar de bicicleta, fez com que suas veias dilatassem, e com isso, o coração resistiu ao infarto.

O parlamentar gravou o vídeo com a intenção de passar uma mensagem para tranquilizar e agradecer as pessoas que torceram por ele. "Passei por um susto, um momento difícil. Primeiramente quero agradecer à Deus pela chance que Ele me deu mais uma vez de estar vivo", disse.

E continuou. "Quero agradecer toda a equipe do Hospital Elmiria Silvério Barbosa, que me ajudou, que me socorreu. Não me lembro o nome das pessoas, mas quero agradecer cada um que me atendeu. Agradeço também aos médicos aqui de Campo grande que me operaram, me disseram que se não fosse o meu atendimento em Sidrolândia e o tempo em que cheguei aqui, certamente eu teria falecido".

Carlos Henrique destacou ainda a importância de praticar esporte e conta que já tinha um problema no coração e não sabia. E revelou que se não tivesse o hábito de pedalar, teria morrido. "As veias não estariam preparadas, não estariam dilatadas, sendo assim, o coração não teria força e por este motivo, não teria sobrevivido ao infarto", contou.

O parlamentar disse que este tempo em que está internado vem aproveitando para fazer uma reflexão sobre a vida. "Só tenho que agradecer. Nestes dias aqui no hospital aprendi o valor da vida. Passei por um momento de privação da vida e como é importante a vida de cada pessoa e eu precisava deste momento para pensar um pouco mais sobre a minha vida", falou.

Quando receber alto do hospital, Carlos Henrique quer voltar para suas atividades em Sidrolândia. "O susto já passou, agora é tocar a vida para frente, continuar os nossos trabalhos", finalizou.

O Caso

Carlos Henrique Olindo sofreu infarto por volta das 20h do último sábado (8), enquanto andava de bicicleta com um grupo de amigos. Depois de fazer dois eletrocardiogramas no Hospital Elmiria Silvério Barbosa, o parlamentar foi levado às pressas para o Hospital Proncor, de Campo Grande pelo próprio pai o ex-vereador David Moura Olindo, onde passou por uma angioplastia.

Publicado por Carlos Henrique Olindo em Terça-feira, 11 de fevereiro de 2020