Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Segunda, 21 de Setembro de 2020

Sidrolândia

Procura por auxilio emergencial começa de madrugada e atendimento passa a ter estrutura de triagem

Primeiro da fila, indígena Antônio Ferreira, chegou antes das 3 horas da madrugada, veio em busca de informações.

Flávio Paes/Região News

05 de Maio de 2020 - 09:13

Procura por auxilio emergencial começa de madrugada e atendimento passa a ter estrutura de triagem

Começou a funcionar nesta terça-feira a estrutura de triagem que será feita nas tendas montadas pela Prefeitura na Rua Lucia de Souza Melo, em frente da agência, de que vai em busca de informações ou já para sacar a sua primeira parcela do auxílio emergencial pago pelo Governo Federal.

Hoje o primeiro da fila, o indígena Antônio Ferreira, chegou antes das 3 horas da madrugada, que veio apenas em busca de informações. Praticamente junto com ele, chegou o assentado José Blinder, residente no Assentamento Eldorado, que após vir duas vezes à Caixa, estava na expectativa de finalmente sacar o dinheiro. Hoje está sendo pago o benefício para aqueles que pediram pelo aplicativo da Caixa e que aniversariam nos meses de novembro e dezembro.

Antes das 7 horas a fila se estendia até perto da Avenida Dorvalino dos Santos, sem que as pessoas atendessem a recomendação (neste período de pandemia) de distanciamento mínimo de 1,5 metro uma das outras. O trânsito na Rua Lucia de Souza Melo, na quadra entre a São Paulo e a Dorvalino, está impedido desde o final da tarde de ontem, quando a Prefeitura montou 4 tendas, instalou cadeiras, para que seja feita a triagem de quem chega em busca de atendimento.

Outras 6 tendas serão montadas, abrindo um espaço coberto suficiente para abrigar quase 200 pessoas que vão aguardar o atendimento protegidas do sol e sentadas. Além de montar as tendas, a Prefeitura instalou banheiros químicos e cedeu funcionários para ajudar o pessoal da Caixa.

Toda a estrutura foi montada a partir do pedido do Ministério Público, como forma de atenuar a demora no atendimento, que exigia horas de espera, muitas vezes sob o sol intenso. A agência está abrindo com duas horas de antecedências (as 8 horas) mesmo assim, as filas são inevitáveis por causa do grande fluxo de pessoas.

“Estamos trabalhando com a parceria da Prefeitura, a Caixa tem muito a agradecer o prefeito Marcelo e todas as Secretarias que estão se unindo para tentar atender a população com mais cuidado e anseio nesse tempo da Covid-19, acreditamos que com as medidas implantadas iremos ter mais conforto para atender os nossos clientes, principalmente do auxílio emergencial, embora não esperamos que irá diminuir o número de clientes na nossa agência nós temos certeza que vamos conseguir atender com mais carinho e mais conforto nesse tempo que infelizmente temos que passar”, declarou a gerente Cintia Pires.

Confira a Galeria de Imagens: