Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Segunda, 17 de Junho de 2024

Sidrolandia

245 beneficiados do Bolsa Família em MS é cancelado por baixa frequência escolar

De acordo com o Ministério, o processo entre a notificação da família e o cancelamento dura cerca de um ano

Correio do Estado

23 de Julho de 2012 - 16:21

A baixa frequência escolar levou ao cancelamento do Bolsa Família em 245 famílias de Mato Grosso do Sul em julho, segundo dados divulgados hoje pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS). O número corresponde a 3,3% do total de beneficiários.

As famílias ainda podem tentar reverter a decisão, procurando a prefeitura até o dia 31 de agosto para explicar os motivos do não cumprimento da carga mínima exigida, que é de 85% da frequência escolar na faixa etária dos 6 aos 15 anos. O ministério suspendeu por 60 dias o pagamento de outros 935 benefícios pelo mesmo motivo.

Já em relação aos jovens de 16 e 17 anos, 79 famílias foram canceladas do programa, mas neste caso, a família perde apenas a parcela referente a cada um deles, que pode ser R$ 38 ou R$ 76.

De acordo com o Ministério, o processo entre a notificação da família e o cancelamento dura cerca de um ano. Esse prazo foi definido para que as prefeituras identifiquem os motivos que estão levando beneficiários a não acessarem os serviços de educação.