Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 24 de Junho de 2021

Sidrolandia

André e Aluizio assinam ordem de serviço para ampliar sistemas de esgoto e água

No total já são mais de R$ 832 milhões garantidos até agora, em investimentos que foram concluídos, estão em andamento e para serem executados.

Midiamax

30 de Agosto de 2013 - 13:40

Na tarde desta quinta-feira (29), o governador André Puccinelli (PMDB) e o prefeito Aluizio São José (PSB) assinaram ordem de serviço, na governadoria, para ampliação dos sistemas de esgotamento sanitário e de abastecimento de água em Coxim.

Serão investidos mais de R$ 8,7 milhões provenientes de recursos estaduais e federais. Com esse montante, Coxim dará um grande salto no índice de esgotamento sanitário, beneficiando centenas famílias.

Para Aluizio, o governador dá um grande exemplo investindo em saneamento básico. “Sempre ouvi falar que não é satisfatório investir em obras que serão enterradas, mas, ao ver tamanho investimento tenho certeza de que estamos quebrando paradigmas para fazer a diferença na vida da nossa gente”, ponderou.

O prefeito não se referiu apenas aos investimentos que serão feitos em Coxim, mas, aos R$ 224 milhões que vão beneficiar a população de 42 municípios de Mato Grosso do Sul. “Investir em saneamento é sinônimo de evitar doenças e, consequentemente, economizar na saúde”, comparou.

Ao falar em nome dos prefeitos, Aluizio destacou a importância da interlocução do deputado estadual Junior Mochi (PMDB) junto ao governo do Estado para angariar recursos para Coxim. “Junior tem sido um grande parceiro da nossa cidade, que necessita da união da classe política para voltar aos trilhos do desenvolvimento”, comentou o prefeito.

Durante o evento, o governador lembrou que nestes quase sete anos a Sanesul (Empresa de Saneamento Básico de Mato Grosso do Sul) tem investido cada vez mais em saneamento nos 68 municípios em que atua. No total já são mais de R$ 832 milhões garantidos até agora, em investimentos que foram concluídos, estão em andamento e para serem executados.