Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sexta, 28 de Janeiro de 2022

Sidrolandia

Arceno inicia mais uma frente de asfalto em Glória de Dourados

Os trabalhos de alinhamento, aterramento das ruas e compactação já foram realizados e a impermeabilização está sendo concluída

Demerval Nogueira

29 de Março de 2011 - 07:34

A Empresa Planacon Engenharia está trabalhando em mais uma frente de pavimentação asfáltica em Glória de Dourados. No momento a empresa está realizando os trabalhos de imprimação, ou seja, impermeabilização, tendo em vista que os demais trabalhos já foram realizados pela construtora.

O prefeito Arceno Athas Júnior argumenta, “nós nos deparamos com certas dificuldades referentes às chuvas constantes, se não fosse estes problemas, com certeza esta obra já estaria concluída”, esclarece o prefeito. A impermeabilização está sendo feita com produto CM 30, à base de querosene, que possui maior poder de imprimação.

Este produto é esparramado sobre o solo onde receberá a camada asfáltica, com 60 ºC de caloria para maior vedação. Os trabalhos de alinhamento, aterramento das ruas e compactação já foram realizados e a impermeabilização está sendo concluída.

Esta etapa de pavimentação abrange a antiga Rua Projetada A, hoje denominada oficialmente de Rua Rogério Luiz Rodrigues, que tem seu início na Cuiabá, acesso ao Parque Administrativo – CEAD passando em frente ao Sindicato dos Trabalhadores na Área de Educação do Estado de MS (Sinted), sede da Associação de Pais e Amigos dos Portadores de Necessidades Especiais (Apae), Unidade local da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (Uems) e também nas duas laterais da praça que está em construção, Praça do Centenário da Imigração Japonesa no Brasil.

Além do grande trecho da Rua Rogério Luiz Rodrigues, os trabalhos de compactações atingem também uma quadra da Rua Hiroshima e outra da Rua Caçapava fechando o contorno com a pavimentação da Rua Tancredo de Almeida Neves.

Os trechos das ruas de recebem o maior volume de água pluvial foi implantado galerias de captação, caso específico do final da Rua Rogério Rodrigues, em frente à Uems, contornando na Rua Caçapava e descendo na Rua Tancredo Neves.

Esta primeira parte da obra, somando-se a segunda parte custará cerca de R$ 347.596,83, recursos provenientes do então senador da República, Valter Pereira de Oliveira (PMDB), através de emendas no Orçamento Geral da União (OGU), no valor de R$ 245.850,00, mais a contrapartida do município, estabelecida em R$ 101.746,83, que perfazem o montante geral da obra. Após a oficialização da documentação a obra seguirá na Rua Tancredo Neves e fará o contorno na Rua Santa Rosa, onde já foi implantada a rede de capitação de águas pluviais.