Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Domingo, 28 de Novembro de 2021

Sidrolandia

Assentamentos Itaqui e Patativa receberão rede de abastecimento de água

O presidente do INCRA, Carlos Guedes, estará em Campo Grande nos dias 29 e 30 de agosto para assinar os atos de liberação dos recursos.

Assessoria

12 de Agosto de 2013 - 14:26

No ultimo dia 7 (quarta-feira), o prefeito Adão Unirio Rolim (PR), liderou uma comitiva do município composta por vereadores e líderes comunitários dos assentamentos Itaqui e Patativas numa reunião com representantes do INCRA em Campo Grande-MS, para cobrar celeridade a uma série de reivindicações entre elas a questão da água potável para os assentamentos.

O município através da prefeitura vem desde o início da atual gestão atendendo as famílias com relação à manutenção das estradas, levando atendimento dos serviços públicos à população na comunidade como o Programa “Prefeitura nos Bairros”, e principalmente buscando solução definitiva para a questão da rede de abastecimento de água para as mais de 240 famílias dos dois assentamentos em São Gabriel do Oeste.

Por isso o anuncio nesta segunda-feira 12 de agosto, feito pelo senador Delcídio do Amaral (PT/MS), que o Ministério do Desenvolvimento Agrário vai liberar no final do mês R$ 10,5 milhões para implantar rede de abastecimento d água nos dois assentamentos do município, foi bastante comemorado.

“Agora não tem mais volta”. Depois de um trabalho incessante, que contou com a participação dos movimentos sociais, da equipe do INCRA em Mato Grosso do Sul e da minha articulação, juntamente com o superintendente Celso Cestari, em Brasília, o ministério bateu o martelo.

O presidente do INCRA, Carlos Guedes, estará em Campo Grande nos dias 29 e 30 de agosto para assinar os atos de liberação dos recursos. “O processo licitatório começa ainda este ano e, no mais tardar, no ano que vem, a água finalmente chegará aos projetos de reforma agrária, acabando com um problema que se arrasta há vários anos”, garantiu o senador.

De acordo com Delcídio, os recursos vão atender os Assentamentos Torre de Pedra e Liberdade Camponesa em Corguinho, Ouro Branco e Sete de Setembro em Terenos, Itaqui, Pé de Cedro e Patativa do Assaré em São Gabriel do Oeste, Matão em Bandeirantes, Estrela Jaraguari em Jaraguari, e Indaiá I, II, III e IV em Aquidauana.

“Ao todo, são 1.060 famílias que não dependerão mais de água de poços, que, muitas vezes, tem que ser buscada a quilômetros de distancia, para atender às suas necessidades básicas. Além disso, a água encanada, potável e distribuída com regularidade, permitirá aos assentados produzirem para seu sustento e ampliar a renda, atendendo, definitivamente, o real objetivo da reforma agrária”, avalia o senador. “Tudo isso representa mais saúde, mais conforto, mais segurança e melhor qualidade de vida para os pequenos agricultores do nosso estado”.