Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 28 de Fevereiro de 2024

Sidrolandia

Banco paga multa de mais de R$ 637 mil ao Procon de Dourados

O diretor do órgão disse ainda, que de cada 10 processos iniciados no Procon, apenas dois são de denúncias por parte dos consumidores.

Dourados Agora

15 de Março de 2013 - 08:00

O banco ABN AMRO Real S/A, já depositou no Fundo Municipal de Defesa do Consumidor de Dourados a quantia de R$ 637.058.44. O valor é originária de nove autuações da Agência de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) ao banco em 2008. O fundo municipal só recebeu o dinheiro após cinco anos de processo.

A informação foi repassada ao O PROGRESSO pelo diretor do Procon de Dourados, Rosemar de Matos. “Isso é uma mostra de que os processos que chegam à entidade não são arquivados. O valor da multa quase dobrou, cada autuação foi de R$ 40 mil, isso em 2008. Com o passar dos anos, foram cobrados juros e correção monetário e chegou ao valor de hoje. É isso que o Procon vai continuar fazendo para que haja respeito por parte das empresas aos consumidores”, informou Rosemar.

O diretor do órgão disse ainda, que de cada 10 processos iniciados no Procon, apenas dois são de denúncias por parte dos consumidores. “Falta mais participação popular. As pessoas que se sentirem lesadas devem denunciar e irem ao Procon para fazer valer seus direitos. Muitos acham que não vai dar certo ou que vai demorar muito tempo e isso tem que acabar”, ressaltou.

Dia do Consumidor

Para lembrar o Dia do Consumidor, que é comemorado hoje, o Procon de Dourados realiza um encontro de dirigentes e funcionários do órgão, de todo o Cone Sul do Estado, no anfiteatro da OAB Dourados, na Rua Onofre Pereira de Mattos, 1772, a partir das 8h, encerrando a programação que vem acontecendo desde segunda-feira, incluindo palestras nas escolas e distribuição de material com orientações sobre os direitos do consumidor.

Conforme o diretor do Procon de Dourados, Rozemar Mattos, o evento tem apoio da Prefeitura de Dourados, através do prefeito Murilo, e vai fazer, na primeira palestra do dia, às 8h15, uma análise e debate da proposta de criação de uma entidade representativa dos Procons do Conesul. Em seguida haverá uma mesa redonda com empresas de telecomunicações, para discutir o telemarketing.

À tarde, a partir das 14h, uma palestra com o mestre em Direito Processual, advogado Alexandre Mantovani, abordando os contratos, conforme o Código de Defesa do Consumidor.