Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 25 de Julho de 2024

Sidrolandia

Câmara não permite posse dos suplentes de Bluma e Thaís

Por causa desse entendimento, Bluma e Thaís recuaram da intenção e decidiram permanecer nos cargos.

Campo Grande news

08 de Julho de 2010 - 14:25

Os vereadores Marcelo Bluma (PV) e Thaís Helena (PT) foram impedidos de cederem espaço durante a campanha para a posse dos suplentes Eduardo Romero (PV) e Alex do PT.

Presidência e Procuradoria Jurídica da Câmara apresentaram aos vereadores e suplentes a interpretação de que eles até podem pedir afastamento dos cargos por prazo inferior a 120 dias, mas sem a convocação de suplente.

No caso de um afastamento superior a 120 dias, os vereadores estariam renunciando ao mandato, ainda segundo o entendimento da Procuradoria Jurídica e da Presidência da Câmara.

Por causa desse entendimento, Bluma e Thaís recuaram da intenção e decidiram permanecer nos cargos.

A vereadora havia solicitado à Mesa Diretora afastamento por 120 dias. Já Marcelo Bluma havia pedido afastamento de 6 de julho a 10 de outubro.