Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sexta, 28 de Janeiro de 2022

Sidrolandia

Caminhoneiros ensaiam criação de Associação para substituir serviços de seguradoras

Marcos Tomé/Região News

09 de Maio de 2011 - 20:47

Sidrolândia conta com uma frota de aproximadamente 300 caminhões de médio e grande porte, os empresários e autônomos deste seguimento discutiram em reunião a possibilidade da implantação no município de uma Associação com objetivo de substituir os serviços prestados pelas seguradoras, que estão cada vez mais caros.

Todo caminhoneiro inscrito na Prefeitura Municipal de Sidrolândia como transportador de cargas e que tenha o seu veículo emplacado na cidade, poderá fazer parte da Associação, bastando para isso adquirir uma espécie de cota e pagar a mensalidade de cerca de 0,10% do valor do bem.

Pra se ter uma ideia da economia que o sistema irá gerar no bolso do associado, o Sr. Anísio Medeiros Pereira mais conhecido por “Nico Pereira” é proprietário de dois caminhões, sendo um deles seminovo com apenas 8 mil km rodados. O custo mensal com o referido veículo junto à seguradora do Banco do Brasil é de R$ 800,00.

Se levado em conta o valor do caminhão que é de R$ 160.000,00 (cento e sessenta mil), Sr. Anísio paga uma fatia de 0.50 % deste valor, já na Associação, este percentual cairia para 0.10%. Na prática, dos R$ 800,00 pagos pelo Sr. Anísio aos serviços da seguradora, na Associação isso representaria apenas R$ 160,00, uma economia real de R$ 640,00 ao mês.

Vale lembrar que os serviços que serão assegurados inicialmente serão apenas para cobertura do patrimônio do associado. O encontro dos caminhoneiros aconteceu nas dependências da Câmara Municipal e contou com a participação da Assessoria Jurídica da Câmara bem como, do presidente Jean Nazareth (PT).

Esta foi a primeira reunião para debater o assunto no campo das possibilidades. Jean sugeriu a classe que elaborem um projeto em formato de estatuto contendo todas as informações da ideia e dos objetivos de se criar a referida Associação e que num momento oportuno, façam a explanação para os interessados.

“O prospecto ora posto na mesa para discussão é de extrema importância para a classe”, avalia Jean.

Foto: Marcos Tomé/Região News

Foto: Narcos Tomé/Região News

Caminhoneiros ensaiam criação de Associação para substituir serviços de seguradoras