Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 24 de Junho de 2021

Sidrolandia

Diferente dos outros anos, Miss MS 2013 foi escolhida a "dedo", sem concurso

Segundo Melissa, a escolha de Patrícia foi fácil. A procura pela candidata foi além da beleza.

Campo Grande News

23 de Agosto de 2013 - 10:18

Pela cidade de Sidrolândia, é a estudante de fisioterapia Patrícia Isabel Machry Barbosa, de 20 anos, que vai representar a beleza sul-mato-grossense no Miss Brasil deste ano.

Depois de recusar trabalhos internacionais, na Europa e Ásia, a estudante, que sempre manteve o discurso de vida pacata em uma cidade de interior, com pouco mais de 40 mil habitantes, agora quer o mundo.

Patrícia conta que a fama por conta da beleza começou na infância, com os concursos nas festas agropecuárias em que participou na cidade. E diz orgulha: “Sou a única menina da cidade com os três títulos”.

Mas a vida não é tão fácil. De segunda a sexta-feira, a miss se reúne com outros estudantes, e às 5 horas da manhã embarca no ônibus para Campo Grande, para as aulas da universidade, onde é acadêmica de Fisioterapia. Até a Capital, são 71 km. Os pais não deixam a moça dirigir na estrada.

Ela conta que já foi convidada para trabalhos no México, China e Londres, mas recusou todos e escolheu ficar no Brasil por falta de preparação. “Minha família em primeiro lugar, não estava na hora, mas agora estou pronta”, explica.

A escolha da miss Brasil deste ano será em Belo Horizonte, no dia 28 de setembro. Para o desfile são exigidos três trajes, um deles deve ter elementos do Estado representado. Patrícia conta, com restrição de detalhes, que a mãe, que é estilista, é quem vai confeccionar a roupa, e deixa escapar que a roupa deve fazer referência do trabalho do pai, que é pecuarista.

Neste ano, a miss MS foi escolhida a dedo, pela organizadora do evento regional, Melissa Tamaciro, que explica que a falta de tempo hábil para a preparação da miss para o concurso nacional foi o motivo o cancelamento do tradicional concurso.

Segundo Melissa, a escolha de Patrícia foi fácil. A procura pela candidata foi além da beleza. “Procurei uma beleza comercial, postura, ética, uma boa história, e encontrei na Patrícia”.