Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Terça, 16 de Abril de 2024

Sidrolandia

Em 24 horas, segunda pessoa morre no trânsito de Campo Grande

Ontem, passageira de moto morre depois de colisão

Campo Grande News

22 de Junho de 2011 - 08:00

Em 24 horas, segunda pessoa morre no trânsito de Campo Grande
Em 24 horas, segunda pessoa morre no tr - Sim

Ivacir Coutinho dos Santos Queiroz, 49 anos, vítima do acidente ocorrido por volta das 7 horas de hoje, no cruzamento da avenida Marques de Pombal com a rua Candido Barros, morreu antes de ser encaminhada para o hospital.

A mulher pilotava uma motocicleta Biz de placa HTH-7477, e acabou sendo atingida pela caminhonete de D20, de placa HRC-4218, de Camapuã, conduzida por João Vasconcelos, de 49 anos. Após a batida, a vítima caiu desacordada no chão. Ela ainda foi socorrida por uma equipe do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), mas morreu dentro da ambulância.

A filha da mulher, Adriane dos Santos Queiroz, de 17 anos, sofreu fratura exposta em uma dar pernas e foi encaminhada em estado grave para a Santa Casa. Ela estava indo para a escola.

O motorista da caminhonete disse que seguia pela rua Candido Barros e ao atravessar a avenida Marques de Pombal acabou colhendo a motocicleta.

Ainda nesta quarta-feira, com minutos de diferença, os bombeiros atenderam mais três ocorrências envolvendo motociclistas. Os acidentes aconteceram na rua Rui Barbosa, avenida Júlio de Castilho e no cruzamento da rua Itu com a rua Padre Damião, no bairro Universitário. Nenhuma das vítimas sofreu ferimento grave.

Morte - Esse é o segundo acidente com morte envolvendo motociclista em menos de 24 horas em Campo Grande. Ontem (21), Ana Karolina Afonso Martinez, 22 anos, morreu após a motocicleta onde era passageira bater em um caminhão no cruzamento das ruas Culuene e Tupaceuto. Ana Karolina ficou enroscada na roda do caminhão e morreu na hora.

O marido da jovem, Rogério Ramirez Mendes, 28 anos, pilotava a moto no momento da colisão. Ele foi encaminhado à emergência da Santa Casa, consciente e orientado.