Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 20 de Junho de 2024

Sidrolandia

Espaço Fiems é reconhecimento permanente aos ex-presidentes

A inauguração também serviu para a entrega da modernização do andar térreo do Edifício Casa da Indústria

Daniel Pedra

24 de Agosto de 2010 - 10:14

Espaço Fiems é reconhecimento permanente aos ex-presidentes
Espa - Assessoria

Durante a entrega da modernização do andar térreo do Edifício Casa da Indústria, em Campo Grande/>, o presidente da Fiems, Sérgio Longen, inaugurou ontem à noite (23/08) o Espaço Fiems para homenagear os ex-presidentes do Sistema Indústria e os ganhadores do Gran Colar do Ordem do Mérito Industrial, além de trazer a atual Diretoria da entidade representativa do setor industrial. “Esse espaço vai deixar registrado na nossa história os nomes daquelas pessoas que tanto contribuíram pelo desenvolvimento do setor em Mato Grosso/> do Sul”, disse. 

Sérgio Longen reforçou que se trata de um justo reconhecimento aos ex-presidentes Jorge Elias Zahran e Alfredo Fernantes, bem como ao empresário Armando Monteiro, presidente licenciado da CNI. “O Espaço Fiems vai perpetuar na nossa história esses grandes nomes da indústria estadual e também nacional”, declarou, completando que a cerimônia serviu ainda para entregar a reforma do auditório térreo do Edifício Casa da Indústria, que foi completamente reestruturado e recebeu equipamentos de última geração. 

Para o ex-presidente da Fiems, Jorge Elias Zahran, que ficou no cargo de 1979 a/> 1999, foram 20 anos muito felizes e a sensação do dever cumprido perdura até hoje. “Apesar de já contarmos com mais de 9,3 mil indústrias, precisamos de novos empreendimentos, entretanto, o Estado precisa responder positivamente aos investimentos do setor para que mais empresários venham para Mato Grosso do Sul”, declarou, agradecendo a homenagem feita pela atual gestão do Sistema Indústria. 

Já o ex-presidente Alfredo Fernandes, que comandou a Fiems de 1999 a/> 1987, lembrou que foi o período da construção da entidade. “Hoje, podemos verificar que o nosso trabalho deu resultado com o crescimento da indústria. Essa majestosa estrutura ajudou a trazer para o Estado uma nova economia, que é a indústria. Estou muito satisfeito com essa homenagem”, garantiu.