Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Terça, 3 de Agosto de 2021

Sidrolandia

Ex-jogador do Operário, Paulo Paulini Filho morre vítima de câncer

Paulini, que fez parte da equipe do Operário nos anos de ouro do clube, deixa esposa, três filhos e um neto, além de parentes e amigos na Capital

Campo Grande News

27 de Outubro de 2014 - 10:29

Faleceu nesta segunda-feira (27) aos 58 anos, o ex-jogador do Operário de Campo Grande, Paulino Paulini Filho, vítima de um câncer no pâncreas. Ele residia em Cascavel (PR), onde atuava como representante comercial desde que aposentou as chuteiras.

Paulini, que fez parte da equipe do Operário nos anos de ouro do clube, deixa esposa, três filhos e um neto, além de parentes e amigos na Capital.

O ex-atleta jogava de lateral direito e vestiu a camisa de grandes equipes do futebol brasileiro. Nascido em 23 de abril de 1956, em Rancharia (SP), iniciou a carreira no Corinthians de Presidente Prudente, passando por São Bento de Sorocaba, Paraná Clube, Inter de Porte Alegre e Ferroviária de Araraquara.

Alto, magro e veloz, tinha como principal característica a boa qualidade no ataque e o chute forte.

Paulini participou do apogeu do Operário, quando a equipe sul-mato-grossense ainda disputava competições nacionais e fazia frente contra os campeões daquela época, entre os anos 70 e 90.

Em 1979, ele ajudou o Galo a ser o quinto colocado no Brasileirão, sendo que dois anos antes, o clube chegou a ser o terceiro “melhor” do país, além das inúmeras conquistas estaduais. Em 1986, ele encerrou sua carreira no Grêmio Maringá.