Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 25 de Maio de 2024

Sidrolandia

Gol tem mais de 30% dos voos

Total de atrasos em aeroportos é de 15,4%; situação é considerada normal aos 14%

R7

03 de Agosto de 2010 - 10:06

O boletim das 9h desta terça-feira (3) da Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária) indica que 15,4% dos voos domésticos apresentaram atraso de mais de 30 minutos desde a meia-noite. São 93 dos 605 programados. Outros 23 (3,8%) foram cancelados.

A Gol Linhas Aéreas é a empresa com o maior número de atrasos. São 76 voos dos 226 previstos, o que representa 33,6%. Outros 18 (8%) voos foram cancelados.

Segundo a Anac (Agência Nacional de Aviação Civil), o limite tolerável para atrasos em voos é de 14%.

Na segunda-feira (2), os atrasos em aeroportos de todo país atingiram um a cada quatro voos. A Gol teve mais da metade dos voos atrasados ou cancelados.

Os aeroportos ficaram lotados. Muitos passageiros tentavam viajar desde domingo (1). O caos foi provocado pelo aumento do movimento com o fim das férias escolares e também por uma falha no sistema de tripulação da Gol.

Trabalhadores da companhia aérea marcaram uma paralisação de 24 horas para o próximo dia 13 de agosto. Eles reivindicam melhores salários, plano de saúde, fim do excesso de jornada e assédio moral.

Em nota, a empresa informou que "trabalha intensamente para normalizar a situação de seus voos: acionou tripulantes extras e destacou equipes de monitoramento nos aeroportos".

Os juizados especiais do Rio de Janeiro, São Paulo e Brasília registraram 104 queixas até o fim da noite de segunda-feira. O número de ações contra as companhias aéreas, porém, ainda é muito pequeno perto da quantidade de passageiros prejudicados em momentos de caos; ontem foram cerca de 50 mil.

Segundo resolução da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) publicada em junho deste ano, o consumidor tem direito a acesso à internet e facilidade de comunicação depois de uma hora de atraso, alimentação adequada a partir de duas horas, e hospedagem a partir de quatro horas.