Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 22 de Abril de 2021

Sidrolandia

Gravado em Sidrolândia, João Carreiro lança seu primeiro clipe em carreira solo

O vídeo clipe foi produzido e dirigido pela Libertà Filmes, que trás cenas gravadas numa propriedade rural da família, além de imagens captadas na estação ferroviária.

Paula Lucia/Região News

11 de Novembro de 2014 - 18:37

Após quase um ano afastado dos palcos em tratamento de uma forte depressão, o cantor João Sérgio Batista Corrêa Filho, que vai completar 32 anos no próximo dia 24 (João Carreiro), gravou em Sidrolândia, onde mora com a família, o primeiro clipe em carreira solo. A canção fala de amor, esperança e foi dedicada à esposa, Caru Comparim, a filha do casal, além da sogra e do poeta cantor, Zé Geraldo, quem passou a ter amizade há pouco tempo.

"Obrigado pela participação mais que especial das pessoas que amo e admiro: minha esposa querida a quem dedico essa canção, pois sem você sou apenas metade, mas sei que o nosso amor não morre. A nossa filha querida, que é a princesinha mais linda que Deus nos deu e minha maior riqueza. A minha sogra, exemplo de pessoa, de mãe e de família que eu conheço. Ao meu amigo novo, grande poeta e cantor, Zé Geraldo”, declara o cantor.

O vídeo clipe foi produzido e dirigido pela Libertà Filmes, que trás cenas gravadas numa propriedade rural da família, além de imagens captadas na estação ferroviária, palco de um encontro entre João Carreiro e Caru Camparim, que contracena com o cantor num momento romântico de amor à primeira vista.

O sertanejo João Carreiro, natural de Cuiabá, chegou ao estrelato da música ao lado de Hilton Cesar Serafim da Silva, de 36 anos, conhecido artisticamente como Capataz. Juntos trilharam sucesso com canções entre as mais tocadas nas emissoras de radio de todo País. Em 2009, a canção "Bruto, rústico e sistemático" composta pela dupla, fez parte da trilha sonora da novela Paraíso, exibida pela Rede Globo.

Em 2011, a canção "Xique Bacanizado" fez parte da trilha sonora da novela Araguaia. O nome da dupla foi inspirado na antiga dupla de música caipira "Tião Carreiro e Pardinho", da qual os dois cantores são fãs. Em 2011 lançaram o CD "Lado A / Lado B", onde do Lado A estavam musicas com um estilo mais antigo, e o Lado B com músicas mais comerciais.

Em 2013 gravaram um DVD em Cuiabá, no qual foram lançadas 3 faixas, "Prefácio", "Desgramou o Goiás" e "Tudo em Nome do Poder". O novo clipe, agora em carreira solo, acabou de ser lançado no Youtube. Semana passada já havia lançado uma fan page, uma nova logomarca e uma declamação que dava mais ou menos o tom do que viria em seguida com a nova fase do cantor.

Gravado em Sidrolândia, João Carreiro lança seu primeiro clipe em carreira solo

A música escolhida para apresentar esta nova fase se chama “O amor não morre”. A produção conta com a participação da Caru, esposa do João Carreiro, da filha do casal, da sogra do João atuando como a Carú já com mais idade e do lendário cantor e compositor Zé Geraldo, atuando como o João Carreiro na “melhor idade”.

A reportagem do RN tentou contato com cantor na tarde de hoje. Por telefone sua esposa informou que o sertanejo não pretende falar sobre o assunto na imprensa no momento, mas assim que possível, vai se pronunciar.