Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 28 de Novembro de 2020

Sidrolandia

Incra fez sorteio 170 lotes para famílias no assentamento Nazareth em Sidrolândia

O sorteio foi realizado para garantir a lisura e a transparência no processo de destinação das parcelas aos assentados

Assessoria

09 de Agosto de 2014 - 07:08

A sorte foi lançada ontem quinta-feira (07) entre 170 famílias para determinar o endereço definitivo de cada uma delas no assentamento Nazareth, situado em Sidrolândia, a 70 quilômetros da capital, Campo Grande, na região leste de Mato Grosso do Sul.

O sorteio foi realizado para garantir a lisura e a transparência no processo de destinação das parcelas aos assentados. Os 170 números em jogo foram colocados em um recipiente fora da visão dos participantes e retirados um a um da urna, formando o mapa das futuras moradias das famílias.

Anaira Graciano Lopes comemorou, com a filhinha de apenas um ano nos braços, o recebimento do lote 43. Ela vai explorar a parcela juntamente com a mãe e um tio. “Já entramos em contato com a Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) para nos assessorar num projeto de criação de peixes”, disse a nova assentada do Nazareth.

Outra assentada, Valdecy Batista de Lima, 57 anos, afirmou ter o objetivo de ver um dia, com orgulho, os produtos nascidos de seu trabalho – principalmente frutas, verduras e legumes – sendo comercializados nas gôndolas dos supermercados de Sidrolândia e municípios vizinhos.

Nesta sexta-feira (08), os beneficiários iniciam as negociações para a formação de uma associação, visando gerir os negócios do assentamento. O primeiro passo é a criação de um grupo que vai tratar das construções das casas por meio do Programa Minha Casa, Minha Vida e, simultaneamente, agilizar a abertura das estradas internas do assentamento, viabilizando, desta forma, a implantação da energia elétrica e a instalação de água potável encanada nos 170 lotes.

Os recursos estão sendo conseguidos por meio de parcerias do Incra/MS com os governos estadual e municipais, principalmente em Sidrolândia, onde já estão implantados 22 assentamentos.

Créditos

Os primeiros créditos da reforma agrária a serem concedidos às famílias são o Apoio Inicial I, no valor de até R$ 2,4 mil por família, que se destina a apoiar a instalação no projeto de assentamento e a aquisição de itens de primeira necessidade, além do Apoio Inicial II, voltado à aquisição de bens duráveis de uso doméstico e equipamentos produtivos. Neste caso, o valor que pode ser acessado por cada família é de até R$ 2,8 mil.

Após a aplicação desses recursos, é disponibilizado o crédito Fomento, para viabilizar projetos produtivos de promoção da segurança alimentar e nutricional e de estímulo da geração de trabalho e renda. O valor é de até R$ 6,4 mil por família, dividido em duas operações de crédito de até R$ 3,2 mil. Outra modalidade importante é o Fomento Mulher, de R$ 3 mil por família, em única operação, para implantar projeto produtivo sob responsabilidade da mulher titular do lote.

A operacionalização será feita pelo Banco do Brasil, que disponibilizará cartões magnéticos aos beneficiários, válido para todas as modalidades acessadas. Os recursos disponibilizados no âmbito do Fomento e Fomento Mulher podem ser utilizados em projetos agrícolas e não agrícolas.

Todos os 170 lotes do assentamento Nazareth já foram demarcados, georreferenciados e certificados. A área de reforma agrária encontra-se em uma região privilegiada, devido à proximidade com grandes centros consumidores, notadamente Campo Grande, a capital do estado.