Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 22 de Fevereiro de 2024

Sidrolandia

Mais da metade de inscritos em MS não compareceu ao Encceja

Foram 35.812 candidatos que não fizeram a prova. No primeiro dia do exame, no dia 5 deste mês, a abstenção foi de 35.5%, ou seja, 33.413 participantes.

Campo Grande News

23 de Novembro de 2017 - 15:52

O Encceja (Exame Nacional de Certificação de Competências de Jovens e Adultos) 2017, realizado em todo o Brasil no último domingo (19), teve abstenção média de 52% em Mato Grosso do Sul. Dos 80.024 inscritos , apenas 42.466 fizeram a prova de manhã e 41.857 de tarde.

Segundos os dados divulgados pelo Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), no período da manhã estiveram presentes nos locais de prova 37.558 candidatos, o que representa 46,93% dos inscritos. No perído vespertino, foram 38.167 participantes - 47,69% do total.

A prova foi aplicada em Campo Grande, para 27 mil candidatos, e em outras 20 cidades, onde mais de 52 mil pessoas se inscreveram.

A abstenção do Encceja foi superior à do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) 2017, que teve 38,8% de ausências no segundo domingo de prova, em 12 de novembro. Foram 35.812 candidatos que não fizeram a prova. No primeiro dia do exame, no dia 5 deste mês, a abstenção foi de 35.5%, ou seja, 33.413 participantes.

Os participantes do exame terão acesso aos gabaritos e aos cadernos de questões até 1º de dezembro. Os resultados serão divulgados no 1º Trimestre de 2018 e podem ser utilizados para certificação de conclusão do Ensino Fundamental e Ensino Médio, além da emissão da declaração parcial de proficiência.

Geral - Em todo o País, foram 1.575.561 inscritos neste ano, sendo que 481.887 (40,3%) compareceram às provas no período matutino, e 534.447 (43,1%) no período vespertino.
De acordo com o Inep, a abstenção, superior a 50%, é similar às edições de 2010, 2013 e 2014, quando o exame certificou apenas o ensino fundamental.

De acordo com o Inep, considerando todos os locais de prova, foram registrados 21 casos de descumprimento de regras gerais do Edital, o que levou a eliminação do candidato por portar equipamento eletrônico, ausentar-se antes do horário permitido, utilizar impressos, não atender orientações dos fiscais, entre outros.

Perfil - De acordo com o Inep, 49,84% dos inscritos foram homens e 50,16% mulheres. Quanto à faixa etária, maioria foi de 625.243 entre 21 e 30 anos, e 607.408 de 31 a 59 anos. Do total, 44% se declararam pardos e 39% brancos. Confira nos quadros. 

De acordo com o Inep, o alto índice de abstenção, mais de 50%, é equivalente às edições de 2010, 2013 e 2014, quando o exame certificou apenas o ensino fundamental, e pode estar relacionada ao fato de o Encceja ser tradicionalmente um exame gratuito.

“Pretendemos avaliar com o Ministério da Educação alternativas para aumentar a presença dos inscritos", informou Maria Inês Fini, presidente do Inep.

Para detentos - A prova do Encceja para adultos submetidos a penas privativas de liberdade e adolescentes sob medidas socioeducativas será aplicada nos dias 19 e 20 de dezembro.

O exame contemplará 74.105 pessoas no País, sendo 44.148 para certificação do ensino fundamental e 29.957 no ensino médio. Em Mato Grosso do Sul são 1,7 mil inscritos. As provas serão aplicadas em 1.329 unidades prisionais brasileiras.