Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 25 de Maio de 2024

Sidrolandia

Mais de 46,5 mil carteiras de trabalho foram emitidas em MS no primeiro semestre

Além do órgão federal, o Estado também confecciona o documento através dos Centros Integrados de Atendimento ao Trabalhador

Tv Morena

16 de Agosto de 2010 - 15:48

No primeiro semestre deste ano 46.589 sul-mato-grossenses buscaram uma carteira de trabalho, segundo dados do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). Além do órgão federal, o Estado também confecciona o documento através dos Centros Integrados de Atendimento ao Trabalhador (Ciat). Nestes locais, de janeiro a julho foram emitidas 12.688 carteiras que afirmam a formalidade do trabalhador no mercado.

Conforme o Ministério do Trabalho, em média são confeccionadas de sete a oito mil carteiras de trabalho todos os meses. Neste ano, o mês de março foi o que registrou maior demanda, com 8.646 documentos emitidos. Durante todo o ano passado o ministério verificou 81.413 carteiras de trabalho solicitadas e emitidas em Mato Grosso do Sul.

Enquanto 46,5 mil carteiras foram emitidas no Estado nos primeiros seis meses, outras 20.584 foram assinadas e entraram no saldo acumulado registrado pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) até junho.

Documento

Nos Ciats os trabalhadores podem solicitar a carteira de trabalho através da Coordenadoria de Intermediação de Empregos. O documento é emitido na hora porque é o convencional, diferente da carteira digitalizada, emitida em Mato Grosso do Sul somente através do MTE regional.

Para solicitar o documento é necessário que o trabalhador apresente uma foto 3x4 tirada de forma analógica – para não correr o risco de haver porosidade do carimbo e invalidar a carteira. Além disso, ele deve levar um documento com foto e comprovante de residência. A carteira é emitida na hora. O procedimento não é o mesmo realizado no MTE regional que confecciona a carteira digitalizada. 

Para aqueles que vão pedir a segunda via por perda ou roubo, é necessário apresentar o boletim de ocorrência informando a ocorrência. Caso a solicitação de outra via seja por outro motivo, como quando a carteira já está cheia, é importante que o trabalhador apresente o documento antigo para requerer o novo.