Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Terça, 26 de Outubro de 2021

Sidrolandia

Manifesto pede cassação do prefeito de Bonito

Levantamento do órgão presume que as irregularidades tenham provocado um prejuízo de algo em torno de R$ 400 mil.

Midiamax

05 de Abril de 2011 - 15:35

Um grupo organizado por comerciantes promete lotar hoje à noite o auditório da Câmara dos Vereadores de Bonito pela criação de uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) para investigar supostas irregularidades praticadas pelo prefeito da cidade, José Arthur de Figueiredo, do PMDB.

Os manifestantes querem a cassação do prefeito. Inspeção realizada pela CGU (Controladoria-Geral da União), no ano passado, apontou falhas na aplicação de verbas federais destinadas a projetos ligados a saúde, educação, turismo e agrário. Levantamento do órgão presume que as irregularidades tenham provocado um prejuízo de algo em torno de R$ 400 mil.

O comerciante João Ricardo, um dos organizadores do protesto, acha que o ato deva atrair “centenas de pessoas”. Ele convocou a população por meio de panfletos distribuídos na cidade.

Por meio de sorteio a CGU vai inspecionar neste primeiro semestre 60 municípios do país. Bonito é uma das cidades que terão as contas examinadas pelos técnicos do órgão. O prefeito da cidade ainda não comentou sobre o protesto na Câmara.