Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 22 de Maio de 2024

Sidrolandia

Marina critica uso "oportunista" de imagem, lembra elo com Lula

No entanto, não vou dizer que vocês estão fazendo campanha para mim", disse ela ao perceber que estava sendo fotografada ao lado dos jornalistas.

Reuters/Brasil Online

20 de Agosto de 2010 - 14:56

A candidata do PV à Presidência da República, Marina Silva, criticou de forma indireta o uso da imagem do presidente Luiz Inácio Lula da Silva pela campanha do candidato do PSDB, José Serra, e disse que não esconderia em seu programa sua ligação histórica com Lula.

"Tomo todo cuidado de não fazer uso oportunista de imagem de quem quer que seja", disse a candidata verde a jornalistas após participar do 8o Congresso da Associação Nacional dos Jornais no Rio de Janeiro.

"A foto que nós estamos fazendo aqui, se eu tiver que registrar esse fato, vou fazer com a presença de todos vocês. No entanto, não vou dizer que vocês estão fazendo campanha para mim", disse ela ao perceber que estava sendo fotografada ao lado dos jornalistas.

Marina lembrou, no entanto, que tem uma história política com o presidente, de quem foi ministra do Meio Ambiente, e disse que não esconderia essa ligação em sua campanha eleitoral.

"Não sou favorável a reescrever a história. A minha história durante 30 anos esteve junta à do presidente Lula e durante cinco anos fui sua ministra", disse ela a jornalistas.

"Se a história revela esse ponto de contato, entendo que, sem ferir o TSE, se for necessário se colocar, não vejo porque deve ser aviltado ou escondido."

Marina fez questão de ressaltar que não viu a propaganda tucana em que aparecem brevemente imagens em que Serra está ao lado de Lula. "Estou falando da minha atitude e da minha postura", disse.