Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 21 de Outubro de 2021

Sidrolandia

Ministro assina acordo com a Bolívia para combate ao tráfico de drogas

O país é considerado o terceiro maior produtor mundial de cocaína, depois do Peru e Colômbia.

Campo Grande News

29 de Março de 2011 - 14:52

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, assina hoje um acordo com a Bolívia, país fronteiriço a Mato Grosso do Sul, prevendo a cooperação no combate ao tráfico de drogas e ao crime organizado. A assinatura será em La Paz, e também conta com a participação dos Estados Unidos.

O secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública, Wantuir Jacini, acompanha o ministro na viagem a La Paz. Jacini é presidente do Colégio Nacional de Secretários de Segurança Pública (Consesp), cargo no qual foi empossado recentemente durante encontro de secretários em Brasília.

A agenda do ministro na Bolívia também prevê a assinatura de uma cooperação jurídica e o entendimento sobre o projeto-piloto de sistema de controle da redução do cultivo de cocaína e estratégia de cooperação policial. O objetivo, conforme o Ministério da Justiça, é fortalecer o apoio ao combate ao tráfico e cultivo do entorpecente no país vizinho que tem Mato Grosso do Sul como uma de suas portas para o mercado internacional.

Dados da ONU (Organização das Nações Unidas) citados pelo Ministério indicam que o cultivo de cocaína na Bolívia chega a ocupar 30, mil hectares. Desses, apenas 12 mil há são considerados legais, usados no cultivo da planta para para rituais religiosos andinos. O país é considerado o terceiro maior produtor mundial de cocaína, depois do Peru e Colômbia.