Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 16 de Outubro de 2021

Sidrolandia

Ministro da Justiça e advogado da União se reúnem com Puccinelli para discutir conflitos indígenas

Eles discutem os conflitos indígenas em Mato Grosso do Sul, que até já causaram morte no dia 30 de maio deste ano.

Campo Grande News

18 de Julho de 2013 - 14:49

O governador André Puccinelli (PMDB) está reunido, na tarde de hoje, com o ministro da Justiça, José Eduardo Cardoso, e o advogado-geral da União, Luís Inácio Adams. Eles discutem os conflitos indígenas em Mato Grosso do Sul, que até já causaram morte no dia 30 de maio deste ano.

O encontro acontece no Ministério da Justiça, em Brasília. Adams, Puccinelli e Cardoso buscam uma forma de acelerar a solução para os conflitos envolvendo, principalmente, os terenas na Estado. Eles exigem a ampliação da reserva Buriti, em Sidrolândia, de 2 mil para 17 mil hectares, e da Taunay-Ipegue, em Aquidauana, de 6 mil para 33 mil hectares.

A solução para o conflito é uma determinação da presidente da República, Dilma Rousseff (PT). O confronto durante a desocupação da Fazenda Buriti, em Sidrolândia, causou a morte do índio Oziel Gabriel. Ele pode ter sido morto por um policial. O caso é investigado pela Polícia Federal.

Dias depois, outro confronto, entre índios e produtores rurais, terminou com um índio, Joziel Gabriel Alves, baleado. Ele pode ficar tetraplégico e vai encaminhado para Brasília (DF).