Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sexta, 14 de Junho de 2024

Sidrolandia

Mulher encontra uma camisinha em lata de extrato de tomate lacrada

A Cargil, empresa fabricante, afirma que ainda não teve acesso ao material para análise

G1

13 de Agosto de 2012 - 08:03

Foto: G1
Mulher encontra uma camisinha em lata de extrato de tomate lacradaUma mulher de Casa Branca (SP) teve uma surpresa desagradável ao preparar uma macarronada. Ao abrir uma lata de extrato de tomate, ela encontrou um preservativo dentro do recipiente.

A Cargil, empresa fabricante, afirma que ainda não teve acesso ao material para análise.

Maria Aparecida Silva preparava o jantar na companhia da filha e de uma vizinha. A dona de casa usou o resto de molho que tinha guardado na geladeira e abriu uma nova lata para completar o volume.

“Quando eu tirei mais um pouco de molho, vi o preservativo lá dentro”, conta.

Perplexas, as mulheres se assustaram com a cena.

“Eu acho que isso não é algo para estar no alimento da gente, não é?”, questiona, indignada, a vizinha.

A dona de casa procurou ajuda e acionou o Procon de Casa Branca. A denúncia também foi levada à Vigilância Sanitária. Um documento foi elaborado com os dados do produto, como data de validade e identificação. Também ficou registrado o pedido de uma vistoria na fábrica responsável pela mercadoria.

Segundo o advogado Acácio Della Torre Junior, responsável pelo caso, outros documentos serão solicitados. Até mesmo o cupom fiscal da compra das três latas foi preservado. “Eu acredito que a dona Maria foi lesada de alguma forma e vai ter esse prejuízo saneado”, disse.

Outro lado

Procurada pela reportagem, a Cargill, empresa fabricante do extrato de tomate, afirmou que ainda não teve acesso ao produto para fazer a análise. A marca ressaltou ainda que trabalha para manter a qualidade dos alimentos.