Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 13 de Junho de 2024

Sidrolandia

Na casa corintiana, Felipão avisa: "Se sou mandante, mando eu"

O que faz diferença é a regularidade, que o Corinthians tem e nós não. Naturalmente, após uma vitória em um clássico, o time fica mais confiante

Gazeta Esportiva

30 de Julho de 2010 - 16:35

O técnico Luiz Felipe Scolari reforça o coro palmeirense de adotar o Pacaembu como casa para o clássico contra o Corinthians. Nesta sexta-feira, o comandante alviverde revelou que não irá abrir mão do vestiário um do estádio, mesmo sabendo que o rival está acostumado a usar as instalações principais do local./>

"Se sou o mandante, mando eu. O vestiário um é do Palmeiras. No dia que não for mandante, aceito o vestiário três, cinco, sete. Já foi definido desta forma por quem dirige o Pacaembu", afirmou o pentacampeão mundial, pouco antes do treino realizado na Academia de Futebol./>

Por outro lado, antes de um clássico que muda o ambiente da cidade, Scolari usa toda a sua experiência para tirar a responsabilidade dos ombros dos jogadores do Palmeiras. Ele deixa claro que o confronto de domingo no Pacaembu não deve ser encarado de maneira especial pelo elenco./>

"Não tem muita diferença, nós traçamos planos para a sequência do trabalho. Vale três pontos, como vale os do Ceará, do Botafogo, não vai fazer diferença na competição. O que faz diferença é a regularidade, que o Corinthians tem e nós não. Naturalmente, após uma vitória em um clássico, o time fica mais confiante. Mas eu quero encarar, como o Adilson, somente um jogo de três pontos", afirmou./>

Dois dias antes de a bola rolar, a escalação alviverde segue indefinida. Felipão, ainda assim, mostra-se otimista com a recuperação do goleiro Marcos, que retornou aos treinos na tarde desta quinta-feira após tratamento intensivo no joelho esquerdo.

"O Marcos está treinando bem, estamos seguindo um trabalho do doutor Gilberto Camanho (responsável pela cirurgia). Está tudo indo de encontro para que tenha condições", exaltou o técnico.