Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Terça, 26 de Janeiro de 2021

Sidrolandia

Nova lei que será sancionada eleva punição para quem dirigir embriagado

Em relação as CNHs, em 2012 foram cassadas 516, entretanto o número é parcial, já que muitos casos ainda estão sendo julgados e aguardam recurso

Correio do Estado

20 de Dezembro de 2012 - 10:33

Além de fiscalização maior, que elevou em 9,4% o número de autuados por dirigir embriagado em Mato Grosso do Sul, a punição será maior para motorista e motociclista que dirigir embriagado.

Projeto de lei, que até quadruplica o valor da multa e acaba com as brechas da impunidade, foi aprovado pelo Senado e será sancionado até amanhã pela presidente Dilma Rousseff (PT), que já manifestou o interesse de tornar a punição mais severa nas festas de fim de ano.

Segundo o Detran (Departamento Estadual de Trânsito), entre os meses de janeiro e novembro deste ano houve um aumento de 9,4% no número de notificões em relação as multas por dirigir alcoolizado. Em 2011 foram 1.864 casos no ano inteiro, diante de 2.040 neste ano.

Em relação as CNHs, em 2012 foram cassadas 516, entretanto o número é parcial, já que muitos casos ainda estão sendo julgados e aguardam recurso. No ano passado este número foi bem superior, 1.656.