Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 22 de Janeiro de 2022

Sidrolandia

PM que atropelou assaltantes é considerado herói em Três Lagoas

Caldeira disse ainda que só resolveu colidir o carro contra a moto porque não conseguiu acertar o pneu

Rádio Caçula

17 de Maio de 2011 - 08:17

Chamado de herói pela imprensa de Três Lagoas, o cabo Valter Caldeira de Souza, de 46 anos, que atropelou dois assaltantes após um assalto típico de um filme hollywoodiano, com perseguição e troca de tiros, afirmou nesta segunda-feira que agiu por instinto.

Em entrevista, o policial militar disse que aquela foi a ocorrência que o mais deixou indignado “pela frieza dos bandidos”. Lotado no 2º Batalhão da PM de Três Lagoas, Caldeira atribuiu a Deus o sucesso da ação. Ele está há 22 anos na corporação.

Segundo o militar, durante a troca de tiros com os assaltantes, ele tentou acertar o pneu da moto usada por eles.

Ele afirma ainda ter se preocupado com as pessoas que estavam passando pela via pública.

Caldeira disse ainda que só resolveu colidir o carro contra a moto porque não conseguiu acertar o pneu.

Ajudando o herói - Associação empresarial, empresários e outras pessoas se ofereceram para ajudar a pagar o conserto do carro do cabo. Os reparos do Fiat Pálio foram orçados em R$ 5 mil.

Na entrevista, Caldeira falou ainda do carinho que recebeu da população de Três Lagoas.